terça-feira, 26 de novembro de 2013

Ela não faz nada?



A pergunta do titulo acima , acabei ouvindo de uma vovó com uma cara de cansada e nada feliz, reclamando para a vendedora que a neta deu piti de novo, já era a segunda vez que trocava o produto; uma boneca que foi rejeitada. Qual o motivo? Ela não faz nada.
Putz! A que ponto chegamos, essa menina não tem  imaginação? ou falta alguém pra ela brincar?
Quando era criança lembro de só ver uma pipa caindo, todas crianças da rua corriam pra ver. Quem nunca pegou o feijão da mãe para fingir que estava cozinhado?Aquelas brincadeiras com músiquinhas sem sentido, ( atirou no gato, boi da cara preta, balança caixão... é cada nome esquisito) no entanto nos divertiamos, mesmo não tendo toda essa tecnologia.
As crianças hoje tem mais informação, tecnologia, parece que vem com o  manual de todos eletrônicos na cabeça.
Pra mim é triste ver isso, claro tudo tem que ter um equilibrio, afinal vivo com a tecnologia e uso também, é legal não vou negar,  mas com a época natal chegando, um monte de criança pedindo uma maquina para se interagir, fazendo desde cedo suas exigências, enquando alguns pedem tão pouco...é tão deprimente.

quarta-feira, 30 de outubro de 2013

Marcelo Jeneci

Nesse ultimo sábado (26/10) fui no Sesi ver o  show  do Marcelo Jeneci e foi incrivel!! Sabe quanto a música ocupa todo o espaço e você sente ela chegar bem perto e vai invadir por inteiro, então foi assim.
Amo essas músicas que fala do cotidiano de uma forma tão linda. " Quando ouvi fiquei apaixanada, com um tsunami de emoção."
Com as músicas velhas e novas, e ao vivo não tem comparação é muito bom, a voz da Laura Lavieri casa perfeitamente.
Uns já conheciam, outros conheceram e pra você que quer conhecer  http://www.marcelojeneci.com.br/ e ainda pode conferir as músicas no novo cd " De Graça."
Foto de Marcelo Jeneci

sábado, 5 de outubro de 2013

E se eu fosse...

Já era 01:30 quando vi que recebi uma tag do blog Na prateleira, o engraçado é que estava lendo e com vontade de fazer também. Obrigada Sih.  Mas peço desculpa pela demora pela falta de tempo e  porque nunca pensei em ser pedra, em ser planta, uma cor, um animal ou uma flor.
Bem só não sei pra quem passar a tag, porque ví que alguns dos blogs que sigo não postam no minimo por quatro meses, alguns já faz três anos. É pelo jeito não é só eu que não tem muito tempo.


E se eu Fosse...

Se eu fosse um mês: Setembro
Se eu fosse um dia da semana: Sábado

Se eu fosse uma hora do dia: 18:00
Se eu fosse uma estação do ano: Primavera
Se eu fosse um planeta: Vênus
Se eu fosse uma direção: Leste
Se eu fosse um móvel: Escrivaninha

Se eu fosse um pecado: Preguiça 
Se eu fosse um sentido: Audição

Se eu fosse uma pedra: Diamante ( eu não sei nada sobre pedra, mas escolhi diamante não pelo valor e tal, nem sou tudo isso,mas pelo processo de lapidação que ela passa, da lama, sendo esculpida com cuidado para atingir o ponto certo, lembro das aulas de química que o professor falava para olhar para o grafite do lapis, que um dia já foi diamante )
Se eu fosse uma planta:  talvez um bonsai
Se eu fosse uma flor: cerejeira
Se eu fosse um clima: frio 
Se eu fosse um prato:Brigadeiro (amo) 
Se eu fosse um instrumento musical: Piano
Se eu fosse um elemento: Terra
Se eu fosse uma cor: Azul 
Se eu fosse um animal: Coruja
Se eu fosse um som: de sino
Se eu fosse uma música: Put your records on - Corinne Rae Baylle
Se eu fosse um sentimento: Calma
Se eu fosse um lugar: Montanha
Se eu fosse um sabor: Doce
Se eu fosse uma palavra: Tranquilidade
Se eu fosse um objeto: Caderno
Se eu fosse uma parte do corpo: os olhos

Se eu fosse um número: 21 ( esse n° me persegue, foi e é o meu de chamada por 3 vezes)
Se eu fosse um símbolo: ...

sábado, 17 de agosto de 2013

?

Por que sinto que estou sempre começando algo? Ou que alguma coisa vai mudar? Na ansiedade do novo, do que não sei... Porém sinto que não comecei.
Por que o tempo me parece tão curto e o dia rápido?
 Quem vai saber?
Eu finjo ter paciência.

(Pensando e escutando Lenine)

Entregue-se

Entregue-se àquilo que te faz sentir 
Entregue-se àquilo que te faz
Tiê

sábado, 18 de maio de 2013

Um chá

Como diz a música "o tempo não para", e mais uma vez o tempo vou já estamos quase no meio do ano e quanta coisa aconteceu. E tanta coisa pra fazer estudar, trabalhar, estudar,...ah talvez dependendo do meu desempenho está pessoa seja técnica em nutrição em dois anos.
Tem dia que estou super esgotada, acordo pensando na hora de deitar, nada fácil.
Finais de semana viraram meus dias de tesouro, pra terminar trabalho, descansar, expraiar a cabeça, tomar um sorvete ou uma xícara de chá, blogar... cada minuto é precioso. Se não fizer isso acho que minha cabeça explode com a  bomba de informação e estresse que recebo todo dia.
No momento só dou atenção ao que realmente importa, o que vai me levar pra frente.
Então a bateria tá acabando, boa madrugada e chá pra quem gosta, como eu!! Pra aquecer essa madrugada fria, aconchegar e acalmar.

 

sexta-feira, 29 de março de 2013

Falar em público...o dilema



Falar em público pra mim é difícil e dizer que fico com borboletas no estômago é pouco, fico com o jardim inteiro. As mãos ficam geladas, o coração parece que sobe para o pescoço, a voz sai trêmula, as pernas bambas...oh céus! Olha que já aprendi algumas técnicas como aquela de respirar e puxar o 'fio dourado', manter a calma, mas não adianta sempre tenho as mesmas sensações.
No final percebo que certas coisas nos aprendemos se enfrentamos de frente, e fazendo, porque não adianta técnicas, cursos, ler sobre isso, saber é diferente de sentir e tudo isso só vai de ensinar a se controlar, mas não te privar de sentir calafrios com um monte de gente olhando pra você.
O meu alívio é saber que 80% das pessoas também tem essa dificuldade, e mesmo achando que fui horrível falando tremendo e rápido, alguém ainda me pergunta: - Você ficou muito nervosa Juh? Com uma tranquilidade que me faz pensar que nem foi tão ruim assim.
Por coincidência enquanto estava postando me deparei com uma música da Tulipa Ruiz (Cada voz) que diz:
Tire sua fala da garganta
E deixa ela passar por sua guéla
E transbordar da boca
Deixa solto no ar
Toda essa voz que tá ai dentro deixa ela falar
Você pode dar um berro quem sabe não pinta um eco pra te acompanhar

A história da Páscoa



A história da Páscoa contada da forma mais pura e fofa.
Feliz Páscoa.

sexta-feira, 1 de março de 2013

Águas de Março

São as águas de março fechando o verão
 É promessa de vida no seu coração.


sábado, 19 de janeiro de 2013

Leio,Li,Lerei

Esses dias estava pensando e percebi que até agora não fiz nenhum post sobre livro ou falando do quando eu gosto de ler. O que pra mim parece até estranho...como esqueci?
Enfim,quando digo gosto de ler não é somente livros e revistas, se eu estiver em um lugar entendiante acabo lendo até anúncio das Casas Bahia, sim caros leitores o caso é grave.Livros são para mim o caminho mais fácil de distração, mas por favor não fiquem achando que vou lendo tudo que para nas minhas mãos, na verdade começo a ler no entanto depende do que é, se vou gostar, se vai me chamar atenção, ah acho que com todo mundo é assim.
O livro mais grosso que li foi o Narnia, uns dos meus favoritos, mas não fico pensando quantos já lí, nem o tamanho, até tenho skoob (até agora não ganhei nenhum sorteio :( ), não faço distinção de livros e pra ser sincera o ano passado o que também acabou entrando pra lista dos meus favoritos foi o diário de um banana é infantil, no entanto tem tanta psicologia por trás, um pai que sente inferior tentando que os filhos realizem tudo aquilo que ele não conseguiu,uma mãe, meio desliga que pensa tudo pelo bem estar e união da família e mostra bem a diferença que tem entre ser o irmão mais velho, o do meio ou o mais novo.
Acho interessante gente que se especializa em certo tipo de leitura, mas isso limita.
O lado ruim dos livros é o preço, agora tem uns que vendem mais barato, só já comprei um da avon o 1822 tive que ler com muito cuidado, o material é bem inferior, só se você quiser ler muito o livro ( e grana estiver curta), pra não se importar com esses detalhes porque importante mesmo é o conteúdo. Afinal ler e comprar livro é uma coisa difícil no nosso país rsrsrs, mas isso é outra historia.
Ah quase ia me esquecendo minha amiga e também blogueira Silene tem um blog só sobre livros, acessem http://napratheleira.blogspot.com.br/. E quando alguém ti dizer que o livro é melhor que o filme não se engane, é bem melhor.